terça-feira, 4 de julho de 2017

Ilha misteriosa simplesmente surgiu do mar no Triângulo das Bermudas?


Será que uma ilha misteriosa surgiu do mar no Triângulo das Bermudas, conhecido por uma série de incidentes misteriosos, como o naufrágio de um navio da marinha em 1918?
Relatórios dessa manhã sugerem que a ilha misteriosa – antes nunca vista – se ergueu das ondas, na região.
Fãs dos fenômenos paranormais afirmam que a ilha é amaldiçoada e que os naufrágios são causados por forças como “portais temporais” ou por algo relacionado com Atlântida.
Mas embora uma ilha tenha mesmo se formado no mar, nas proximidades do Triângulo das Bermudas (perto, não no Triângulo em si), esse acontecimento não é tão misterioso quanto parece.
A ilha de Cape Point, na Carolina do Norte, não é inteiramente nova. No passado, outras ilhas já se formaram no local.

A ilha também não é povoada por extraterrestres, OVNIs ou viajantes do tempo, embora as autoridades locais digam que ela é perigosa por causa de suas fortes correntezas.
Então, embora a imagem (feita por um drone) seja espetacular, não há nada de paranormal ou mesmo anormal na ilha. Trata-se apenas de uma ilha que se formou, na região onde outras já se formaram no passado.
Uma moradora local, Janice Regan, disse ao PilotOnline: “Não é estranho? O local era só uma pequena protuberância, em abril”.

Fonte: Yahoo Notícias

segunda-feira, 3 de julho de 2017

Programa de parcelamento de dívidas do MEI começa nesta segunda

Microempreendedores Individuais em débitos com a Receita Federal poderão parcelar boletos em aberto em até 120 meses; veja como fazer o pedido.

Os microempreendedores individuais (MEIs) com boletos atrasados poderão a partir das 8h desta segunda-feira (3) solicitar o parcelamento das dívidas com a Receita Federal. O prazo para fazer o pedido termina no dia 2 de outubro.
É a primeira vez, desde a criação do MEI, em 2009, que o governo abre um programa de parcelamento de débitos. As dívidas acumuladas até maio de 2016 poderão ser parceladas em até 120 prestações, que deverão ter valor de pelo menos R$ 50. Para débitos de boletos vencidos após maio de 2016, o parcelamento será de, no máximo, 60 meses.
Segundo a Receita Federal, o saldo devedor atual dos MEIs é de R$ 1,7 bilhão. O número de microempreendedores individuais cadastrados no Simples Nacional já superou a marca de 7 milhões, mas o percentual de inadimplência tem se mantido há anos no patamar ao redor de 60%.
De acordo com os dados do Fisco, dos 6,94 milhões de MEIs cadastrados em março, apenas 2,78 milhões (40%) efetuaram o pagamento do boleto mensal.
Além de estar inadimplente com o Fisco, o MEI com boletos atrasados corre o risco de não ter acesso a direitos previdenciários como auxílio-doença, salário-maternidade e aposentadoria invalidez.

Cada benefício exige um tempo de carência, ou seja, um tempo mínimo meses de contribuição, e a contagem da carência inicia-se apenas a partir do pagamento da primeira contribuição sem atraso. Para pedir o auxílio-doença, por exemplo, o MEI precisa ter pago em dia no mínimo 12 meses seguidos.

Como parcelar


A solicitação do parcelamento deve ser feita pela internet. Para solicitar a adesão ao programa, o inadimplente deve apresentar a Declaração Anual Simplificada para o Microempreendedor Individual (DASN-Simei) relativa aos respectivos períodos de apuração.
O aplicativo irá calcula a quantidade de parcelas de forma automática, considerando o maior número de parcelas possível. O valor de cada parcela mensal será acrescido de juros da taxa Selic mais 1%, relativamente ao mês em que o pagamento estiver sendo efetuado.
De acordo com a Receita, o pedido de parcelamento:
deverá ser apresentado das 8h do dia 3 de julho até às 20 horas do dia 2 de outubro de 2017, exclusivamente através da página da Receita, do Portal e-CAC ou do Portal do Simples Nacional
abrange a totalidade dos débitos exigíveis;
independe de apresentação de garantia;
implica confissão irrevogável e irretratável da totalidade dos débitos;
será considerado automaticamente deferido depois de decorridos 90 dias da data de sua protocolização, caso não haja manifestação da autoridade concedente
o valor de cada parcela em atraso será acrescido de juros da taxa Selic mais 1%, relativamente ao mês em que o pagamento estiver sendo efetuado
a falta de pagamento de três parcelas, consecutivas ou não, ou a existência de saldo devedor após a data de vencimento da última parcela, cancela o benefício
Na hipótese de boletos posteriores a maio de 2016 também em atraso, o parcelamento em até 120 prestações deve ser requerido antes do ordinário, para garantir que os débitos até maio de 2016 sejam parcelados com o prazo especial de 120 meses.
Caso a dívida esteja com a exigibilidade suspensa em decorrência de discussão administrativa ou judicial, informou a Receita, o microempreendedor individual deverá, até 2 de outubro de 2017, comparecer à unidade da Receita de seu domicílio tributário para comprovar a desistência expressa e irrevogável da impugnação ou do recurso interposto, ou da ação judicial.




Entenda o MEI

O número de microempreendedores individuais (MEIs) cadastrados no Simples Nacional segue em trajetória de crescimento já supera a marca de 7 milhões de pessoas, já superando o total de micro e pequenas empresas, que corresponde a 5 milhões em todo o Brasil.
O programa foi lançado em 2009 para incentivar a formalização de trabalhadores como doceiros, camelôs, manicures, cabeleireiros, eletricistas, donos de pequenos bares e lanchonetes, entre outros.
Para se tornar um MEI, o trabalhador tem de ganhar até R$ 60 mil por ano e não ter participação em outra empresa como sócio ou titular. O microempresário também pode ter um empregado contratado que receba o salário mínimo ou o piso da categoria. Depois que formaliza a atividade, ele passa a ter CNPJ, o que permite a emissão de notas fiscais, o aluguel de máquinas de cartão e o acesso a empréstimos, por exemplo.
Além disso, ao ser enquadrado no Simples Nacional, o MEI fica isento dos tributos federais (Imposto de Renda, PIS, Cofins, IPI e CSLL). Ou seja, o programa permite sair da informalidade pagando um valor relativamente baixo, que varia de acordo com a categoria. Atualmente, o valor fixo mensal está fixado em: R$ 47,85 (comércio ou indústria), R$ 51,85 (prestação de serviços) ou R$ 52,85 (comércio e serviços). Desde maio, o MEI tem a opção de solicitar na página do programa débito automático para pagar realizar o pagamento mensal.

Com essas contribuições, o Microempreendedor Individual tem acesso a benefícios como auxílio maternidade, auxílio doença, aposentadoria, entre outros.
Mais do que um avanço na formalização de trabalhadores, o crescimento do número microempresários tem sido visto também como um empreendedorismo de necessidade, refletindo diretamente o aumento do desemprego e a forte destruição de vagas no mercado formal de trabalho.

Fonte: G1

terça-feira, 27 de junho de 2017

Idoso de 85 anos reage a assalto e ladrão vai parar no hospital



Um idoso de 85 anos impediu um roubo, na tarde desta terça-feira, em uma das ruas mais movimentadas de Ribeirão Preto, ao reagir ao assalto e aplicar uma voadora no suposto ladrão, que foi parar no hospital e acabou preso. Bem humorado, o "vovô MMA", como foi chamado por populares, sofreu ferimentos leves e se diz "pronto para a próxima".
O aposentado Adauto Martini tinha acabado de comprar dois celulares e parou em uma salgaderia da rua Duque de Caxias para tomar um refresco. Ao sair do local, o desempregado José Roberto Rodrigues, 42, tentou roubar a sacola onde estavam os aparelhos eletrônicos. Ele conseguiu retirar os objetos das mãos do aposentado e se preparava para fugir, quando foi surpreendido.
Ao perceber a ação do homem, o aposentado decidiu interferir. "Eu vi que ele era grandão e que eu não iria conseguir alcançá-lo na corrida, então eu pulei e dei um chute nele no ar", contou, ao UOL. "Voei um dois metros e grudei no pescoço dele. Do jeito que grudei, caí com ele e o imobilizei no chão", relembrou.

A LUTA

Rodrigues entrou em luta corporal com o aposentado e tentou fugir, mas acabou cercado por populares. Ele fraturou o joelho na queda e precisou de atendimento médico. "Bati o joelho, saiu tudo do lugar. "Eu queria pegar uma sacola de salgadinhos que ele estava carregando e comer, não o celular", alegou. A polícia, entretanto, não acredita na versão e ele foi indiciado pelo roubo dos telefones.
O bancário José Araújo Casanova, 39, passava pelo local e observou a cena. Ele conta que ajudou a imobilizar o assaltante e que ficou surpreendido. "Quem vê o senhorzinho que derrubou ele, não acredita. É magrinho, parece frágil, mas acertou em cheio o rapaz", contou.
Rodrigues foi atendido no Hospital Santa Lydia e liberado no fim da tarde de ontem. Ele foi enviado ao Centro de Detenção Provisória, onde permanece. 
Já o aposentado, bem-humorado, informou que está pronto pra outra. Ele teve escoriações e lesões na pele e recebeu atendimento médico no mesmo hospital para onde o assaltante foi levado "Eu tive uns machucadinhos, mas, se vier bandido de novo, eu dou outra nele", disse, rindo. "Estou pronto pra próxima", falou, entre risadas.

Fonte: UOL

sexta-feira, 16 de junho de 2017

Semente de jaca tem cheiro de chocolate e pode substituir cacau na indústria de cosméticos, diz USP

Aposta é que farinha feita com o grão do fruto seja usada como aromatizante natural; aponta cientista da Escola de Agricultura Luiz de Queiroz em Piracicaba.

Uma pesquisa da Universidade de São Paulo (USP), em Piracicaba (SP), mostrou que a semente da jaca, quando é seca, torrada e moída, tem cheiro de chocolate e pode ser usada na indústria de comésticos.
A aposta é que a farinha do grão, que é mais abundante e barata que o cacau, seja aproveitada como aromatizante, segundo pesquisadores do laboratório de Análise de Alimentos e Nutrição da Escola de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq).
De acordo com os cientistas, que iniciaram o estudos com o fruto em 2011, é a fermentação da semente de jaca dura que deixa o cheiro mais acentuado e semelhante ao do chocolate.
"A descoberta foi quase que acidental", afirmou a professora de Esalq e coordenadora do projeto, Solange Guidolin Canniatti Brazaca.
"Durante um trabalho de pesquisa anterior, quando as sementes foram retiradas do fruto e, depois secas e tostadas, para produção da farinha que era usada na panificação, foi percebido um aroma parecido com o do chocolate, que exalava das sementes", contou.
A partir dessa constatação, os pesquisadores separaram as sementes das jacas mole e dura para verificar qual delas tinha o cheiro característico do chocolate. "Nesse processo, constatamos que as sementes de jaca dura eram as responsáveis pelo aroma", afimrou.
A cientista de alimentos Fernanda Spada, então, resolveu continuar as pesquisas para o trabalho de doutorado e fez com as sementes de jaca o mesmo processo desenvolvido com as do cacau.
"Fizemos com a semente de jaca dura, o mesmo procedimento que se faz com o cacau. Em um dos processos, deixamos as sementes em uma solução com água e ácido acético, que é o famoso vinagre", contou Fernanda.
O gosto da farinha feita com o grão, entretanto, é bem diferente do cacau. Mas, não há motivos para frustração. Segundo a cientista, é possível também fazer uso da semente de jaca também na indústria de alimentos e bebidas, desde que em menor proporção.
Ela ressaltou que hoje a indústria usa aromatizande artificiais de cacau, devido a demanda pelo fruto. E o aromatizande feito com a semente de jaca pode ser uma opção natural. "Claro que o cacau vai continuar a ser usado, mas pode diminuir a proporção", afirmou.
Para que o aromatizande feito com a semente de jaca seja incorporado, é preciso haver parcerias com as indústrias, para que de fato chegue ao consumidor. .
Os participantes dos testes apontaram que as farinhas de jaca fermentadas possuem mais aromas de caramelo, avelã e frutados em comparação com as farinhas acidificadas. O estudo foi publicado em periódico científico internacional.
Os pesquisadores adicionaram a farinha da semente de jaca em misturas para o preparo de cappuccino com o intuito de avaliar a possibilidade de substituição do aroma de chocolate extraído do cacau.

Fonte: G1

quarta-feira, 7 de junho de 2017

Força Aérea Brasileira já passou uma madrugada caçando OVNI


A FAB (Força Aérea Brasileira) passou uma madrugada inteira tentando encontrar um OVNI, mas foi driblada pela suposta nave de tecnologia e velocidade muito superiores aos equipamentos humanos. O relato, documentado e assinado pelo Comando da Força Aérea, está no livro “Extraterrestres”, do escritor Salvador Nogueira.
A história ocorreu em 19 de maio de 1986. Por volta das 23h15, a torre de controle de São José dos Campos, no interior de São Paulo, informou que havia luzes laranjas, amarelas e verdes sobrevoando a cidade. Simultaneamente, o radar de solo registrou sinais de movimentação.
De acordo com o livro de Nogueira, o primeiro a avistar as luzes do alto foi o coronel Ozires Silva. Segundo ele, a noite de 19 de maio de 1986 estava estrelada, o que significa boa visibilidade. “Entre as estrelas eu vi um clarão, um objeto ovalado. Parecia um astro. A diferença é que astro não aparece no radar (…) Voei na direção dele. E, enquanto me aproximava, ele começou a desaparecer”.
Daí em diante, uma série de fatos inacredítaveis foram registrados pelos radares e monitores da Força Aérea. Uma aeronave de defesa que partiu do Rio de Janeiro ao encontro do objeto não-identificado e o piloto avistou uma luz branca abaixo de seu nível de voo. O ponto subiu e ficou a 10 graus acima da aeronave.
A perseguição evoluiu e o piloto relatou que a luz passou de branca para vermelha, verde e depois voltou a ser branca. Sem conseguir avistar nada mais do que o ponto de luz, a aeronave retornou para a base, já que o nível de combustível estava crítico.

SEGUNDA BUSCA

Cerca de duas horas e meia depois, outro objeto não-identificado apareceu no radar. Este voava por Anápolis, cidade de Goiás, e os dados do radar eram precisos: apontavam velocidade e direção do deslocamento. Mas, ao enviar um caça da base de Anápolis para fazer o reconhecimento, novamente a frustração.
O objeto voava mais rápido e com mais agilidade para mudar de rota do que a aeronave tripulada pelos brasileiros. O OVNI se deixava aproximar, depois acelerava até sumir do radar. Enquanto isso, o piloto fazia o possível para ter contato visual. No fim, retornou para base sem sucesso.
Mesmo com o fracasso nas duas primeiras tentativas, a caçada não se encerrou. No Rio de Janeiro, o comando enviava uma nave atrás da outra. Enquanto uma voltava para a base sem combustível, outra era preparada para decolar. Nada, além de luzes e fortes sinais nos radares, foi obtido.
Ao fim das tentativas, o Comando deu um relato contundente e preciso à missão. “Como conclusão dos fatos constantes observados, em quase todas as apresentações, este Comando é de parecer que os fenômenos são sólidos e refletem de certa forma inteligências, pela capacidade de acompanhar e manter distância dos observadores como também voar em formação, não forçosamente tripulados.”

O livro “Extraterrestres” está a venda em livrarias e lojas on-line.

Fonte: Yahoo Notícias

domingo, 21 de maio de 2017

O segredo para reduzirmos a ansiedade antes de fazermos algo importante



Uma sensação de mal estar físico e psíquico diante de algo cujo futuro é incerto. Essa é uma das definições de ansiedade, sentimento que aflige a maioria das pessoas diante de atividades diversas, como fazer um discurso, submeter-se a um exame médico ou uma prova, fazer uma palestra ou participar de uma entrevista com um possível empregador.
O problema é que o nervosismo pode ser contraproducente, afetando o desempenho da pessoa e impedindo que ela alcance seus objetivos.
Após fazerem um estudo, pesquisadores da Harvard Business School, em Boston, nos Estados Unidos, têm um conselho para ajudar pessoas ansiosas a terem bom desempenho em situações estressantes. Com base em uma série de experimentos, a equipe concluiu que cumprir algum tipo de ritual antes da atividade em questão pode ser a chave do sucesso.
Em artigo na revista online Harvard Business Review, uma das autoras do estudo, Alison Wood Brooks, descreve um ritual desse tipo, realizado por um famoso jogador de beisebol do time Boston Red Sox - David "Big Papi" Ortiz - que se aposentou em 2016.
Cada vez que se aproximava da caixa do batedor, o jogador apoiava o bastão contra as pernas, cuspia na mão direita e batia palma.
Esses rituais, disse a pesquisadora, não são praticados apenas por ricos e famosos. Segundo ela, mais de 45% das pessoas entrevistadas pela equipe disse realizar algum tipo de ritual antes de enfrentar uma tarefa difícil.

Poder do Ritual

As conclusões do estudo parecem indicar que um ritual prévio pode nos dar uma sensação de controle sobre a situação e, como consequência, melhorar nosso desempenho.
Como parte do estudo, a equipe de psicólogos criou um experimento no qual participantes eram convidados a cantar, em público, ao microfone, uma canção difícil. Um algoritmo media objetivamente o desempenho dos cantores.
A equipe queria que os participantes ficassem nervosos para poder, depois, testar estratégias de combate à ansiedade. Uma delas foi, simplesmente, dizer a alguns dos voluntários, antes de subirem ao palco, que se acalmassem.

"Muita gente diz a si mesma, literalmente, 'se acalme, não há motivo para tanto nervosismo, você é capaz de fazer isso", disse à BBC o professor Michael Norton, líder do estudo, publicado na revista científica Organizational Behaviour and Human Decission Processes.
Outro grupo foi orientado a fazer um ritual simples. Os participantes deveriam tentar expressar, por meio de um desenho, o que estavam sentindo. Depois, deveriam rasgar o papel e jogar os pedaços no lixo. "Descobrimos que dizer a você próprio que se acalme não funciona", disse Norton.
"É como quando você diz a alguém que está zangado, gritando, que pare de gritar. Não funciona. Mas fazer pequenos rituais como o que foi descrito, isso sim ajuda bastante a pessoa a lidar melhor com sua ansiedade e, depois, a ter um melhor rendimento", disse o psicólogo.
Um dos fatores que geram ansiedade antes de situações estressantes é justamente a falta de controle que o indivíduo sente sobre o que vai ocorrer. Um exemplo claro disso é a expectativa diante de uma prova onde outras pessoas vão avaliá-lo.
"Os rituais são como uma forma de comportamento controlado, nos levam a sentir mais controle e isso está relacionado ao nível de ansiedade que sentimos", explicou.
Além disso, os investigadores dizem acreditar que o simbolismo por trás de um ritual pode ajudar muito, mesmo que não seja imprescindível. Para Norton, o mero fato de chamarmos a sequência de ações de "ritual" pode ter um efeito positivo.

Hábito ou Ritual?

A jornalista da BBC Claudia Hammond, apresentadora do programa Health Check, da BBC, sempre faz um chá antes de entrar no estúdio para a transmissão do programa, que acontece ao vivo. Ela se pergunta se o preparo do chá seria um ritual ou um hábito.
Segundo Norton, um hábito é uma ação em si, que você realiza porque quer. No exemplo citado, porque a jornalista tem vontade de tomar um chá. No entanto, o simbolismo por trás de um chá pode ajudar muito, dizem os psicólogos. "Um ritual tem mais a ver com a forma como você faz o chá. Por exemplo, se segue sempre os mesmos passos", explicou Norton.
Outra forma de avaliarmos se uma ação é, ou não, um ritual, seria perguntarmos a nós mesmos o que aconteceria se não realizássemos o ritual. "Se não puder tomar o chá, quanto isso vai te incomodar?", perguntou.
"Quando não fazê-lo (tomar o chá) te perturba e te afeta, então (o ato) se aproxima mais do ritual e se distancia do hábito."
Norton ressaltou, no entanto, que rituais, quando levados ao extremo, também podem ser se tornar um problema. É o caso, por exemplo, das pessoas que têm transtornos obssessivos compulsivos. "Nesses casos, o ritual acaba interferindo na vida cotidiana", disse.
Para ansiosos moderados, ao concluir seu artigo na Harvard Business Review, a colega de Norton, Alison Wood Brooks, dá o seguinte conselho: "Nossas conclusões indicam que fazer um ritual antes de vivenciarmos uma situação estressante pode reduzir sentimentos de ansiedade e melhorar o desempenho. Aconselhamos os leitores a adotarem rituais prévios antes de situações estressantes em suas vidas."
"Recomendamos que cada indivíduo prepare um ritual pequeno mas carregado de simbolismo, algo calculado e rápido, que possa ser feito com facilidade antes da situação estressante."
A equipe disse ter baseado suas conclusões em relatos dos participantes e em um algoritmo que mediu seu desempenho durante os testes.

Fonte: G1

terça-feira, 25 de abril de 2017

Novo planeta pode ser a maior esperança de vida fora da Terra


Muitos planetas são encontrados fora do Sistema Solar, mas nem todos são como o LHS 1140b, a mais recente descoberta do grupo de pesquisadores liderado por Jason Dittmann, do Centro de Astrofísica Harvard-Smithsonian. O exoplaneta é um pouco maior que a Terra e está situado a cerca de 40 anos-luz daqui.
O que mais empolgou os cientistas foi o fato de que o LHS 1140b orbita uma zona habitável em relação a sua estrela, a LHS 1140, uma anã vermelha situada na constelação Cetus.
O planeta está 10 vezes mais próximo da LHS 1140 que a Terra está do Sol, mas como a anã vermelha é bem mais fria e escura, o LHS 1140b não esquenta muito — na verdade, ele só recebe metade da luz que recebemos do Sol.
“As condições da anã vermelha são particularmente favoráveis”, afirma o astrônomo Nicola Astudillo-Defru, do Observatório de Genova, na Suíça. O membro da equipe de pesquisa falou também que a estrela gira mais devagar e emite menos radiação que outros astros do tipo. Isso significa que a pressão e a temperatura provenientes da LHS 1140 não impedem a existência de água líquida — que é essencial para a vida como conhecemos.
Os astrofísicos têm esperança de que o planeta tenha retido ou recuperado uma atmosfera, aprisionando o vapor gerado pelos mares de magma que talvez tenham uma vez existido no LHS 1140b. Para verificar essa hipótese os pesquisadores contarão com a ajuda do telescópio Hubble e de um novo instrumento que está sendo desenvolvido pelo ESO.
“Não podíamos esperar por um alvo melhor para responder uma das maiores questões da ciência: a busca de vida fora da Terra”, afirmou Jason Dittmann.
Os pesquisadores detectaram o exoplaneta graças aos instrumentos do Observatório Europeu do Sul (ESO), na Observatório de La Silla, no Chile.

Fonte: Galileu

sábado, 22 de abril de 2017

IBGE anuncia Censo Agropecuário 2017


Serão selecionados cerca de 26 mil contratados temporários em mais de 4 mil municípios. A coleta começa em 1º de outubro. O questionário foi simplificado para agilizar a operação que, durante cinco meses vai recensear três estabelecimentos agropecuários por dia, em média. O IBGE também vai criar a Pesquisa Nacional por Amostra de Estabelecimentos Agropecuários, que irá a campo anualmente.
Em 1º de outubro de 2017, o IBGE vai iniciar as operações do seu 10º Censo Agropecuário. Ao longo de cinco meses, os recenseadores irão visitar mais de 5 milhões de estabelecimentos agropecuários em todo o país, levantando informações sobre a área, a produção, as características do pessoal ocupado, o emprego de irrigação, o uso de agrotóxicos, entre outros temas. O importante papel da agricultura familiar na produção agropecuária do país será investigado mais uma vez. Os resultados do Censo Agro 2017 devem começar a ser divulgados pelo IBGE em meados de 2018.
O orçamento do Censo Agropecuário de 2017 sofreu um corte de mais de 50%. Diante desta contingência, o corpo técnico do IBGE foi compelido a fazer adaptações como, por exemplo, a redução do número de contratados temporários para essa operação: inicialmente previsto para 82 mil pessoas, esse contingente foi reduzido para 26 mil. Já a coleta do Censo Agropecuário, prevista para cerca de 90 dias, foi ampliada para cinco meses.
A redução do orçamento tornou necessária uma simplificação do questionário inicialmente concebido. O objetivo foi dar mais agilidade à coleta de dados, permitindo que, em média, três estabelecimentos agropecuários sejam visitados pelos recenseadores, a cada dia. Essa simplificação foi levada ao conhecimento da sociedade, dando origem a novas demandas, que foram incorporadas ao questionário.
Agropecuária do país também será investigada por pesquisa amostral
O Censo Agropecuário 2017 vai subsidiar a implantação do cadastro de estabelecimentos agropecuários e do Sistema Nacional de Pesquisas Agropecuárias. Isso permitirá a criação da Pesquisa Nacional por Amostra de Estabelecimentos Agropecuários, que irá a campo, anualmente, captar dados pormenorizados sobre receitas e despesas na produção, crédito e seguro rural, proteção de mananciais, conservação da fauna e flora, uso de agrotóxicos, técnicas de produção, além da situação social e familiar dos trabalhadores do campo, entre outros temas.
Censo Agro 2017 terá dois processos seletivos com 26.010 vagas temporárias
Em abril, começam as inscrições dos dois processos seletivos simplificados para os temporários que atuarão no Censo Agropecuário 2017. Serão abertas 26.010 vagas, das quais 171 serão para profissionais de nível superior em 18 diferentes áreas de conhecimento. As vagas restantes serão para nível médio. Ao todo, serão abertas vagas em pouco mais de 4 mil municípios do país. Veja na tabela a seguir a distribuição preliminar dessas vagas, por unidade da federação. Os números definitivos serão divulgados nos editais dos dois processos seletivos, cuja publicação está prevista para os dias 10/04 e 24/04/2017.

Fonte: MundoGeo

UFRN abre vagas para nível superior a distância


A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), por meio do Núcleo Permanente de Concursos (Comperve), considerando os termos da Resolução nº 025/2017, de 21 de março de 2017, do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CONSEPE), e da Resolução nº 012/2012, de 25 de maio de 2012, do Conselho de Administração (CONSAD), torna público que:

I – DO PROCESSO SELETIVO 

1.1. O Processo Seletivo para Educação Superior a Distância da UFRN, para ingresso no segundo semestre letivo do ano de 2017, será aplicado, simultaneamente, nos polos de apoio presencial distribuídos no Estado do Rio Grande do Norte, abrangerá os conhecimentos comuns às diversas formas de escolarização do ensino médio e obedecerá às diretrizes deste Edital. Edital completo (www.comperve.ufrn.br)

A inscrição será feita exclusivamente via Internet.

Para inscrever-se, o candidato deverá, obrigatoriamente, ter Cadastro de Pessoa Física (CPF), documento de identificação e preencher todos os campos do Formulário de Inscrição.

A taxa de inscrição será no valor R$ 30,00 (trinta reais).

A inscrição deverá ser feita a partir das 8 horas do dia 10 de abril de 2017 até às 23h59min do dia 2 de maio de 2017, observando os seguintes procedimentos:

     a) Acessar o sítio da COMPERVE (www.comperve.ufrn.br) no qual estarão disponíveis o Edital e o Formulário de Inscrição;
     b) Preencher integralmente o Formulário de Inscrição de acordo com as instruções constantes nele;
     c) Imprimir a GRU – GUIA DE RECOLHIMENTO DA UNIÃO, para poder efetuar o pagamento da taxa de inscrição;
     d) Efetuar o pagamento da taxa da taxa de inscrição no período de 10 de abril de 2017 a 3 de maio de 2017, no local indicado na GRU.

Vagas para o Campus de Currais Novos:

Educação Física....................... 15 vagas
Física........................................ 20 vagas
Geografia.................................. 20 vagas
Letras - Português.................... 20 vagas
Matemática............................... 15 vagas
Pedagogia................................  20 vagas
Química.................................... 15 vagas

As provas serão aplicadas no dia 28 de maio de 2017, simultaneamente, nos municípios indicados, as provas terão duração máxima de quatro horas e trinta minutos, exceção ao
candidato com deficiência cuja solicitação de tempo adicional tenha sido deferida que
terá uma hora a mais para realização das provas. O candidato somente poderá realizar as provas no polo (cidade) que escolheu.

quarta-feira, 22 de março de 2017

Equipe de Super-Heróis Cerrocoranses fará visita a crianças com câncer


A equipe que de Super-heróis Power Ranges, que abrilhantou o carnaval 2017 em Cerro Corá/RN, fará uma visita de solidariedade às crianças que estão fazendo tratamento contra o câncer no Hospital Varela Santiago em Natal/RN onde, com a sua irreverência irão alegrar as crianças. A visita irá acontecer no próximo dia 08 de abril do corrente ano. São mais de 185 crianças em tratamento e que necessitam de muito carinho e também de diversos materiais para o dia-a-dia. "A assistente social nos propôs arrecadar massinha de modelar, coleção de cor, livros para colorir e folhas de papel ofício, falou Gilvagner representante da equipe". Você também pode contribuir com a felicidade dessas crianças. Quem desejar ajudar é só ligar ou chamar pelo WhatsApp que vamos até você. (Vaguinho 99634-7627, Thales 99917-8068), ou deixar na Kitanda Medeiros (Cerro Corá/RN). Também aceitamos qualquer quantia em dinheiro para a compra desses materiais, caso desejem também podem ser feito depósitos bancários identificados na conta:

Conta: 24870-3 
Operação: 51
Agência: 3777-X 
Banco do Brasil                  
Antony Muriel Araújo Gomes

Contamos com o apoio de vocês, porque juntos somos mais!

Fonte: Equipe Itaperuá