sexta-feira, 3 de agosto de 2018

Divulgada as atrações musicais do XVI Festival de Inverno


Divulgada na manhã desta sexta feira (03) de agosto de 2018 as atrações musicais do XVI Festival de Inverno Cerro Corá/RN.

Confira as atrações!

Sexta-feira - dia 17
Guilherme Dantas
The Ritornellos
Feras
Giovane Soares

Sábado - dia 18
Amazan
Uskaravelho
Raynel Guedes
Rodolfo Lopes

Domingo – dia 19
Puxado
Giannini Alencar

Venha curtir com familiares e amigos esse grandioso evento!

sexta-feira, 27 de julho de 2018

Dia do Motociclista



O Dia Nacional do Motociclista é comemorado em 27 de julho.

A data celebra todos os que, seja profissionalmente ou por hobbie, pilotam motocicletas.
O motociclista não apenas pilota motos, mas também vivência o que é conhecido como "cultura da motocicleta".
Inclusive, os motociclistas contam com uma Associação que orienta e organiza reuniões e demais eventos para os apaixonados por motos - Associação Brasileira de Motociclistas (ABRAM).

Origem do Dia do Motociclista

A data surgiu a partir de uma tentativa da Associação Brasileira de Motociclistas de estipular um dia comemorativo oficial para os motociclistas.
Em 27 de Julho de 1974, morria o motociclista e mecânico da Honda Marcus Bernardi, que era bastante querido por todos. Por sugestão de Rogério Gonçalves - proprietário da Concessionária Honda de Sorocada, São Paulo - o deputado Alcides Franciscatto, em 1984, propôs que o Dia do Motociclista fosse comemorado em 27 de julho, em homenagem ao ex-mecânico.
A ABRAM acabou por escolher esta data, entre todas as outras, como a oficial da Associação.
Hoje o motociclismo se tornou uma paixão nacional, com vários adeptos e muitos encontros motociclísticos por todo o país. 



Oração do Motociclista

"Senhor cada vez que subo numa moto sinto a liberdade e ao mesmo tempo tenho medo de encontrar-Te num destes caminhos perplexos do mundo. 
Como sou frágil diante da natureza, e ao mesmo tempo me sinto forte e dono de mim quando estou numa moto. 
Mas, Senhor, não quero perder minha vida num desses momentos.
Quero que o guidão de minha moto esteja sempre firme em minhas mãos, Senhor, que o capacete que me protege a cabeça seja a segurança de que de que preciso, e que Tu, Senhor, sejas a minha proteção permanente. 
Perdoa-me Senhor, se por vezes abuso da liberdade que me deste e corro alucinado, ou me perco em emoções na velocidade, em busca de respostas... 
Que cada dia eu possa sentir a Tua presença na brisa que recebo no rosto, na velocidade e na superação de meus próprios limites, na responsabilidade da vida que me deste. 
Quero sentir Tua presença protetora e amiga, pois sei que estás comigo. 
Protege, Senhor, nossas vidas, e acolhe junto de Ti os companheiros que já partiram, que eles possam viver as alegrias de estarem Contigo, e que nós tenhamos a esperança de um dia também encontrar-Te. 
Protege, Senhor, por intermédio de Nossa Senhora de Caravaggio, nossas motos, nossas vidas e nossos caminhos para que, na certeza de Tua presença, possamos dar-Te glória e louvor, para sempre, amém. 
Nossa Senhora de Caravaggio, Rogai por nós. Amém"

Fonte: Calendarr Brasil

segunda-feira, 23 de julho de 2018

Com diploma de curso superior já aos 11 anos, garoto agora quer se especializar em astrofísica


William Maillis concluiu curso com formação generalista no Estados Unidos e no próximo mês, começará outro na Universidade do Sul da Flórida.
William Maillis tem apenas 11 anos e já tem um diploma de ensino superior. Ele se formou em um curso da St. Petersburg College, na Florida, nos Estados Unidos. Mas como a formação é generalista, no próximo mês, William cursará astrofísica na Universidade do Sul da Flórida.
"Eu quero ser um astrofísico. [...] Quero provar ao mundo que Deus existe através da ciência", disse William disse à CNN.
O garoto começou a fazer faculdade em 2016 depois de concluir a educação básica [o equivalente ao ensino médio no Brasil] aos 9 anos. Seus pais disseram que ele sempre foi precoce, com 2 anos fazia contas simples de matemática e aos 4, aprendeu álgebra.
"Eu sou totalmente fascinado por William e pelo trabalho que ele tem feito. [...] Ele é extremamente brilhante, muito aberto e colaborativo", disse Williams Tonjua, presidente do St Petersburg College, à CNN.
Segundo a CNN, o garoto pretende concluir o doutorado aos 18 anos, idade em que a maioria dos jovens ingressa na faculdade.

Fonte: G1

domingo, 22 de julho de 2018

Mega semana na academia Power Fitness em Cerro Corá/RN


A academia Power Fitness realizará na próxima semana várias atividades para os seus alunos.

Vejam as atividades:

Terça feira, dia 24/07/2018 - Campeonato interno de cadeira extensora feminino e rosca direta masculino;

Quarta feira, dia 25/07/2018 - Aula de dança em praça pública às 19:00 horas;

Quinta Feira, dia 26/07/2018 - Às 19:00 horas Palestra com o tema "A importância da atividade física e seus benefícios", local academia Power Fitness e sorteio para os presentes;

Sexta feira, dia 27/07/2018 - Massagem miofacial às 19:00 horas;

Sábado, dia 28/07/2018 - Treino vespertino (Encontro de gigantes) alunos e atletas (convidados) de outras regiões;

Domingo, dia 29/07/2018 - A partir das 07:00 horas da manhã na quadra poliesportiva José Julião Neto, jogos futsal feminino, masculino e solteiros x casados, logo após sorteio de vários brindes.

Esporte é saúde... Pratique!

#ACADEMIAPOWERFITNESS

quinta-feira, 19 de julho de 2018

Cai número de brasileiros que preferem usar o dinheiro para pagamentos, diz pesquisa do BC

Dinheiro ainda é forma de pagamento mais usada pelos brasileiros, mas preferência caiu nos últimos anos, aponta o BC. (Foto: Reprodução)
A maior parte dos brasileiros ainda prefere pagar suas compras com dinheiro, mas o uso dessa forma de pagamento vem caindo nos últimos anos, aponta pesquisa divulgada pelo Banco Central nesta quinta-feira (19).
De acordo com o estudo, 60% dos entrevistados responderam que o dinheiro é a forma de pagamento utilizada com maior frequência. Na pesquisa anterior, divulgada pelo BC em 2013, esse índice era de 78%.
O BC informou ainda que 4% dos entrevistados neste ano disseram que nunca usam dinheiro ou moedas para pagar compras. Em 2013, 100% disseram que o dinheiro era uma das formas utilizadas.
Já o preferência pelo cartão de débito e de crédito aumentou: passou de 9% para 22%, no caso do cartão de débito; e de 12% para 15%, no caso do cartão de crédito.
A pesquisa de 2018 do BC foi feita no mês de abril e ouviu 2 mil pessoas, sendo mil dos entrevistados da população em geral e os outros mil entre funcionários do comércio e de estabelecimentos de serviço que trabalham como caixa.


Valor das compras

O uso de dinheiro, cartão de crédito e cartão de débito varia de acordo com o valor das compras. Naquelas de até R$ 10, 88% dos entrevistados costumam usar dinheiro, 9% cartão de débito e 2% crédito.
Em compras acima de R$ 500, o crédito é a forma mais utilizada (43%). Outros 18% disseram preferir cartão de débito e, 31%, o dinheiro.

Salário

Segundo o chefe adjunto do departamento do meio circulante do BC, Fábio Bollmann, chama a atenção na pesquisa o índice de brasileiros que ainda recebem o salário mensal em dinheiro.
De acordo com o levantamento, 29% dos entrevistados disseram receber o salário em dinheiro. A maioria, 48%, recebe em depósito em conta corrente, poupança ou conta salário. Já 0,4% afirma receber em cheque e 22% disseram não ter renda.
Na pesquisa anterior, 51% dos entrevistados recebiam o salário em dinheiro e 29% em depósito.

Comércio

No comércio, o dinheiro também é a forma de pagamento mais frequente (52%), seguida pelo cartão de crédito (31%) e pelo cartão de débito (15%).
O uso de cartão de débito foi o que mais cresceu no comércio nos últimos 5 anos. Em 2013 era de 4%.
De acordo com o BC, os pagamentos em dinheiro representam atualmente 50% do faturamento do comércio, contra 55% em 2013.
O cartão de débito aumentou de 14% para 20% sua fatia no fluxo de caixa dos estabelecimentos. Já o uso de cheques diminuiu 2 pontos porcentuais, passando para apenas 1%. As vendas feitas em cartão de crédito ficaram estáveis no período, com 25%.

Notas falsas

Nos últimos 5 anos caiu o número de pessoas que já recebeu notas falsas: passou de 28%, em 2013, para 23%, em 2018.
A pesquisa alerta que, mesmo para notas de maior valor, grande parte da população não verifica se o dinheiro é falso ou verdadeiro.
Segundo o BC, 39% dos entrevistados disseram que nunca verificam se as notas de R$ 50 são falsas e 38% afirmaram não verificar se as notas de R$ 100 que recebem são verdadeiras ou não.
Quando verificam, a marca-d’água é o item de segurança mais conhecido, seguido pelo fio de segurança e pela textura do papel moeda.
No comércio, 47% dos entrevistados disseram que já receberam nota falsa e a textura do papel é o item mais usado para verificar a veracidade da cédula, seguida pela cor.
Entre os comerciantes, o porcentual de pessoas que verificaram se as notas são verdadeiras ou falsas também é maior do que entre a população de forma geral.
Segundo a pesquisa, apenas 12% dos entrevistados afirmaram que nunca verificam se as notas de R$ 50 são verdadeiras ou falsas e apenas 11% deixam de checar as notas de R$ 100.

Fonte: G1 Economia - Banco Central do Brasil

quarta-feira, 4 de julho de 2018

Vem aí o Se Ligue Aqui



Acompanhando a vocação empreendedora e o potencial do Seridó para o turismo, surge o SE LIGUE AQUI – O guia turístico online mais completo da região, com intuito de deixar os visitantes e cidadãos bem informados da infraestrutura que cada município oferece. O serviço, gratuito para os internautas e de fácil acesso, disponibiliza informações das empresas da cidade, dividido por segmentos, para todos os interessados em conhecer o município, seu potencial turístico e de eventos, e as empresas locais.

O projeto é desenvolvido pela jornalista Fátima Souza; o Agente de Desenvolvimento, Clodoaldo Cândido; e o TI Carlos Alberto Galvão Júnior. E tem como público alvo potenciais turistas interessados em conhecer ou visitar o município, e a população em busca de informações sobre as empresas locais. 

O SE LIGUE AQUI tem como intuito de, além de divulgar os atrativos turístico de cada município, centralizar em um só lugar todas as informações pertinentes aos visitantes, e com isso, amenizar a falta de dados atualizados da infraestrutura turística que a região oferece. O conteúdo disponibilizado traz informações como: a história do município, eventos, atrativos turísticos, sugestões de hospedagem e de restaurantes, telefones úteis, além das principais empresas e serviços, ofertados no município. Tudo isso, dividido por segmentos, disponibilizado em um website (www.seligueaqui.com.br), compatível para todas as plataformas.

O serviço cadastra e mantem os dados atualizados, anualmente, de todas as empresas sediadas nos municípios, com telefone, endereço, site, redes sociais e informações úteis que possam facilitar a vida dos visitantes e pessoas da comunidade, que necessitem entrar em contato com as empresas parceiras.

Cerro Corá será a primeira cidade do Seridó a receber o SE LIGUE AQUI. Na sequência, todas as cidades da região serão cadastradas. Uma equipe de pesquisadores, jornalista, TI, consultores e designer gráfico visitará cada município, e levantará os dados necessários para a implantação do guia turístico online. Cada contrato com as empresas terá duração de um ano, podendo ser renovado, anualmente, sem limites de contratos.

O SE LIGUE AQUI, é um projeto ecologicamente correto e de alcance global, e contribuirá com o fortalecimento do turismo e das empresas, dando às cidades envolvidas visibilidade para internautas do mundo inteiro, contribuindo assim, com o  desenvolvimento da região e de seus empreendedores.

Não deixe sua empresa de fora!!!

quinta-feira, 14 de junho de 2018

ABERTURA OFICIAL DA 61ª FESTA DO PADROEIRO SÃO JOÃO BATISTA EM CERRO CORÁ/RN


Hoje quinta feira, dia 14 de junho de 2018, às 18:00 horas acontece a abertura oficial da 61ª Festa do padroeiro São João Batista em Cerro Corá/RN.

PROGRAMAÇÃO RELIGIOSA

18:00 horas - Procissão motorizada saindo de frente ao Hospital/Maternidade Clotilde Santina, conduzindo o estandarte de São João Batista. Em frente a Prefeitura Municipal, teremos a benção dos veículos e na Igreja Matriz haverá o hasteamento do estandarte e as palavras de abertura da nossa festa.

19:00 horas - Missa inaugural da Festa de São João Batista em ação de graças aos 10 anos do TERÇO DOS HOMENS.

Subtema: Sal da terra e luz do mundo na igreja e na sociedade. (Doc. 105 CNBB p. 11-19).

Noitários: Terço dos Homens, Motoristas, Motociclistas e Ciclistas.

Pregador: Pe. Luciano Dias de Morais (Pároco de Nossa Senhora da Conceição em Taperoá/PB).

PROGRAMAÇÃO SOCIAL


20:00 horas - Barraquinha de São João
Atração Cultural - Orquestra Sanfônica (Parelhas/RN).

Fonte: Paróquia de São João Batista

terça-feira, 12 de junho de 2018

Como surgiu o Dia dos Namorados - A História e a Origem do dia dos namorados


O que é o dia dos namorados? Como surgiu? Quais suas tradições? Como comemorar?

Nesse texto você encontrará as respostas e entenderá um pouco melhor o verdadeiro significado do dia 12 de junho. Segundo a versão mais conhecida. a comemoração teria se originado na Roma antiga, no século III.
O padre Valentim lutou contra as ordens do imperador Cláudio II, que havia proibido o casamento durante as guerras acreditando que os solteiros eram melhores combatentes.
Além de continuar celebrando casamentos, ele casou-se secretamente, apesar da proibição do imperador. Tendo se recusado a renunciar ao Cristianismo, Valentim foi condenado à morte. Enquanto aguardava na prisão o cumprimento da sua sentença, ele se apaixonou pela filha cega de um carcereiro e, milagrosamente, devolveu-lhe a visão.
Antes de partir, Valentim escreveu uma mensagem de adeus para ela, na qual assinava como “Seu Namorado”.


Considerado mártir pela Igreja Católica, a data de sua morte - 14 de fevereiro - também marca a véspera de lupercais, festas anuais celebradas na Roma antiga em honra de Juno (deusa da mulher e do matrimônio) e de Pã (deus da natureza). Um dos rituais desse festival era a passeata da fertilidade, em que os sacerdotes caminhavam pela cidade batendo em todas as mulheres com correias de couro de cabra para assegurar a fecundidade.
Outra versão diz que no século XVII, ingleses e franceses passaram a celebrar o Dia de São Valentim como a união do Dia dos Namorados. A data foi adotada um século depois nos Estados Unidos, tornando-se o Valantine´s Day. E na Idade Média, dizia-se que o dia 14 de fevereiro era o primeiro dia de acasalamento dos pássaros. Por isso, os namorados da Idade Média usavam esta ocasião para deixar mensagens de amor na soleira da porta da amada.

A história do dia nos namorados no Brasil


No Brasil, é comemorado em 12 de junho apartir de 1949, quando o publicitário João Dória trouxe a idéia do exterior e a apresentou aos comerciantes.
Como junho é um mês de vendas baixas, eles decidiram comemorar a data nesse mês e ainda escolheram a véspera de Santo Antônio, o santo casamenteiro como o Dia dos Namorados.
A idéia inicial pode ter sido um tanto quanto interesseira, afinal, escolheram o mês de junho por ser um mês fraco de vendas, no entanto seja qual quer que seja a data que se comemora um namoro, uma paixão, um relacionamento a dois, o importante é o amor e o carinho que são demonstrados, compartilhados e vivênciados por um casal. Além desse texto que explica como surgiu o dia dos namorados no Brasil e no Mundo. Faça homenagens especiais com frases, textos, mensagens e vídeos para o seu amor e nesse dia 12 de junho faça uma surpresa para a pessoa amada.

Fonte: Esoterikha

segunda-feira, 11 de junho de 2018

O professor de Harvard que ensina a ser feliz

O professor Tal Ben-Shahar: “A felicidade não é estática. É um processo que termina apenas com a morte” (Divulgação/)
Os cursos mais populares da Universidade Harvard, nos Estados Unidos, não ensinam medicina nem direito, mas felicidade. No ano passado, mais de 1 000 alunos se inscreveram para assistir às aulas do professor Tal Ben-Shahar, que usa um ramo da psicologia para ajudar os estudantes de graduação na busca da realização pessoal.
Na primeira vez que ministrou o curso, há dez anos, oito pessoas se inscreveram. A fama cresceu e, embora os alunos façam trabalhos, não recebem notas, mas algo mais pessoal. “Eles falam que a aula muda a vida deles”, diz Tal. Nesta entrevista, ele mostra como encontrar satisfação profissional e pessoal.

Aulas que têm como enfoque otimismo e felicidade não são algo comum em uma universidade tradicional como Harvard. Por que criou o curso?

Comecei a estudar psicologia positiva e a ciência da felicidade porque me sentia infeliz. No meu segundo ano de estudante em Harvard, quando cursava ciência da computação, eu era bem-sucedido, pois tinha boas notas e tempo para atividades que me davam prazer, como jogar squash. Mesmo assim era infeliz.

Para entender por que, mudei de área e fui cursar filosofia e psicologia. Meu objetivo era responder a duas perguntas: por que estou triste e como posso ficar feliz? Estudar isso me ajudou, e decidi compartilhar o que aprendi.

Uma pesquisa de doutorado feita no Brasil revela visões diferentes do que é ser bem-sucedido, que vão além de dinheiro e poder. As pessoas buscam algo mais profundo?

Sucesso não traz, necessariamente, felicidade. Ter dinheiro ou ser famoso só nos faz ter faíscas de alegria. A definição de sucesso para as gerações mais novas mudou. Não é que as pessoas não busquem dinheiro e poder, mas há outros incentivos.

No passado, sucesso era definido de maneira restrita, e as pessoas ficavam numa empresa até a aposentadoria. Agora, há uma ânsia por ascender no trabalho, ter equilíbrio na vida pessoal e encontrar um propósito.

Qual a principal lição sobre a felicidade o senhor aprendeu? 

O que realmente interfere na felicidade é o tempo que passamos com pessoas que são importantes para nós, como amigos e familiares — mas só se você estiver por inteiro: não adianta ficar no celular quando se encontrar com quem você ama. Hoje, muita gente prioriza o trabalho em vez dos relacionamentos, e isso aumenta a infelicidade.

Descobrir para onde queremos ir seria a grande questão?

Muita gente não sabe o que pretende da vida simplesmente porque nunca pensou sobre o assunto. As pessoas vivem no piloto automático. Ouvem de alguém que deveriam ser advogado ou médico, e acreditam em vez de se perguntar do que gostam. Essa é a questão fundamental.

Como aplicar as diretrizes da psicologia positiva no dia a dia do trabalho?

Uma maneira é pensar nos progressos diários que um profissional alcança no fim de cada dia. Segundo uma pesquisa de Teresa Amabile, professora de administração da Harvard Business School, quem faz isso tem índices mais altos de satisfação e é mais produtivo.

Deve-se também valorizar os próprios pontos fortes e, no caso dos chefes, os pontos fortes das pessoas da equipe, o que aumenta a eficiência dos times. Isso não significa deixar de lado as fraquezas, que devem ser gerenciadas. Apenas que a maior parte da energia precisa ser gasta fortalecendo os pontos fortes ao máximo.

Dá para fazer isso mesmo em momentos de crise ou de baixo desempenho?

Sim, desde que os profissionais sejam realistas. Em 2000, quando Jack Welch­ (ex-presidente da GE e referência em gestão) foi nomeado o gerente do século pela revista Fortune, perguntaram que conselho ele daria a outros gerentes. A resposta foi: aprendam a encarar a realidade.

O mesmo se aplica nesse caso. A psicologia positiva não defende que os erros e os pontos fracos sejam ignorados. Apenas propõe uma mudança de foco: parar de enxergar só o que vai mal e ver o que dá certo — mesmo nas crises. A proposta é observar o quadro completo da realidade.

Qual sua opinião sobre o discurso de que basta fazer o que ama para encontrar satisfação profissional?

Isso pode ser a solução para alguns. Na maioria dos lugares e trabalhos, é possível identificar aspectos significativos para cada pessoa. Uma pesquisa feita com profissionais que trabalham em hospitais mostrou que tanto no caso de médicos quanto de enfermeiros e auxiliares havia profissionais que enxergavam o trabalho como um chamado e outros que o viam apenas como um emprego.
Em outras palavras, o foco que damos ao trabalho acaba sendo mais importante do que a natureza dele. Alguém que é funcionário de um banco pode pensar que trabalha com planilhas o dia todo ou que está ajudando as pessoas a gerenciar sua vida.

O jornalista britânico Oliver Burkeman defende que não se deve buscar felicidade, mas o equilíbrio, pois ninguém pode ser feliz sempre. O que acha disso?

Concordo. A primeira lição que dou na minha aula é que nós precisamos nos conceder a permissão de sermos seres humanos. Isso significa vivenciar emoções dolorosas, como raiva, tristeza e decepção. Temos dificuldade de aceitar que todo mundo sente essas emoções às vezes. Não aceitar isso leva à frustração e à infelicidade.

O senhor é feliz? 

Eu me considero mais feliz hoje do que há 20 anos e creio que serei ainda mais feliz daqui a cinco anos. A felicidade não é estática. É um processo que termina apenas com a morte. Encontrei significado em meu trabalho e faço o que me dá prazer, mesmo tendo, como todo mundo, momentos de estresse e sofrimento — esse é o equilíbrio que todo profissional deve almejar.

Mas também procuro desfrutar de coisas fora do mundo do trabalho: passar tempo com minha família, com meus amigos e encontrar um espaço na agenda para a ioga. Tudo com moderação.

14 DICAS PARA A FELICIDADE

Agradeça sempre a Deus por tudo o que você é, e por tudo o que você tem;
Pratique regularmente uma atividade física;
Tome sempre um bom café da manhã;

Seja assertivo;
Parte do seu dinheiro, invista em você, viagens, cursos e aprendizado;
Enfrentar seus desafios, não fuja deles;
Coloque em todos os lugares boas memórias, frases e fotos de quem você mais gosta.
Sempre cumprimente e seja bom com as outras pessoas.
Use sempre sapatos confortáveis.
Cuide da sua postura.
Ouça boa música e leia bons livros.
O que você come tem um impacto direto na sua saúde e no seu humor.

Cuide-se e sinta-se atraente.
Finalmente, acredite em Deus, pois, com suas bênçãos, nada é impossível.

MORAL DA HISTÓRIA


A felicidade é como um controle remoto, perdemos sempre, ficamos loucos procurando por ele e muitas vezes, sem saber, estamos sentados em cima dele, entretanto, as 14 dicas são o norte para encontrá-lo e ser feliz.

REFLEXÃO DA HISTÓRIA

Além das 14 dicas para a felicidade temos que estar com paz de espírito e ter três pilares fundamentais:


ALGO PARA FAZER – Gostar do seu trabalho é o principal pilar para a sua felicidade;
ALGUÉM PARA AMAR – Ter ao seu lado alguém que você gosta;

SONHOS PARA REALIZAR – Pilar fundamental para ser feliz. 

Fonte: Revista EXAME / UOL

sexta-feira, 8 de junho de 2018

Orangotango 'enfrenta' escavadeira que desmatava floresta na Indonésia

Orangotango "enfrenta" escavadeira na Indonésia (Foto: IAR/ BBC)
Um orangotango foi fotografado "enfrentando" com suas próprias mãos uma escavadeira após a floresta em que vivia ter sido desmatada.
Na imagem, registrada na província de Kalimantan Ocidental, na Indonésia, o animal aparece tentando em vão lutar contra a máquina.
As imagens foram registradas por ativistas em 2013 e fazem parte do recém-lançado documentário da BBC Red Ape: Saving the Orangutan (Macaco vermelho: Salvando o Orangotando, em tradução Livre).
Na época, a ONG International Animal Rescue (IAR) realizou operações de resgate e remoção dos animais. O orangotango que aparece no vídeo foi capturado e levado a uma área protegida da floresta.

Orangotango atrapalha trabalho de escavadeira em floresta na Indonésia (Foto: IAR/BBC)

Fonte: G1 / BBC BRASIL